ITAITUBA

Altamira: Polícia Civil cumpre mandados de prisão temporária de suspeitos de envolvimento em triplo homicídio

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin


A Polícia Civil de Altamira prendeu, nesta terça-feira, 19, quatro acusados de envolvimento no triplo homicídio que vitimou o casal Luís Alves Pereira e Irma Buchinger Alves, e o filho mais velho Ambrosio Buchinger Neto. Os presos são Matheus de Oliveira Costa e Francisco Denis Leite, presos no bairro São Joaquim em Altamira; Aguinaldo Soares, de apelido “Andrade”, preso no bairro Bom Remédio em Itaituba, e Henrique Buchinger Alves, filho do casal, preso em Goiânia, capital de Goiás.

As prisões resultaram do cumprimento de mandados de prisão temporária de até 30 dias decretados pela Justiça de Altamira em decorrência de representação do delegado Vinícius Dias, responsável pelo inquérito policial instaurado para apurar o triplo homicídio. Ainda, de acordo com o policial civil, a operação policial denominada “Iscariotes” foi deflagrada, no início da manhã, quando as equipes policiais seguiram aos endereços dos acusados, de forma simultânea, a partir das 6 horas.
O trabalho de investigação foi realizado pela equipe da Seccional de Altamira com apoio de outras unidades da Polícia Civil. Os presos são acusados de envolvimento direto nas mortes das vítimas registradas na madrugada do último dia 6, no interior da casa da família, localizada na rua Anchieta, bairro Sudam I, em Altamira.
Todos os presos deverão permanecer recolhidos no presídio regional em Altamira à disposição da Justiça, de forma temporária, até que as investigações sejam aprofundadas e poderão ter suas prisões preventivas solicitadas ao Poder Judiciário com o avanço das investigações. A motivação e as circunstâncias do crime ainda estão sendo investigadas. A Polícia Civil ainda prossegue as investigações visando a conclusão do caso.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS