ITAITUBA

Após criança perder um braço em grave acidente, PRF orienta acerca dos cuidados ao conduzir motocicleta

Agente da Polícia Rodoviária Federal (PRF) cedendo entrevista à TV Vale do Xingu (sbt). Foto: Reprodução..

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Após uma criança perder um dos braços em grave acidente ocorrido em Medicilândia (PA), a Polícia Rodoviária Federal (PRF), em entrevista à TV Vale do Xingu (sbt), orienta sobre os cuidados que os condutores devem observar ao conduzir motocicleta com criança.

O primeiro ponto observado diz respeito à idade da criança. O Código de Trânsito Brasileiro proíbe caronas a crianças de até 07 anos de idade, uma vez que elas não têm tamanho suficiente de alcançar partes do veículo que deem segurança ao passageiro.

“Vamos supor que uma criança tem 10 anos, mas ela não consegue acessar os pedais, porque ela é muito pequena ou ela está com um braço engessado e não consegue se segurar no apoio ou no condutor. Isso são situações que o código prevê como diretriz para que o condutor observe […]”, Marcos André, PRF.

É importante, também, que tanto o condutor quanto o passageiro estejam munidos de capacetes, bem vestidos e com calçados fechados no momento em que forem sair transitando de motocicleta.

“… Vai ando de motocicleta? É importante ter um traje adequado. As pessoas costumam andar de sandália, descalço. Qualquer incidente que você tiver, provavelmente vai ter sequela disso:  você pode perder um dedo, pode ter uma perna amputada. Às vezes, um calçado simples fechado seria suficiente para resolver esse problema. É importante que as pessoas procurem, ao máximo, não se expor no momento da direção, finalizou Marcos.

Fonte: Plantão 24horas News.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS

error: Entre em contato conosco para solicitar o uso de nosso conteúdo