ITAITUBA

Bombeiros encerram buscas por corpo de criança que desapareceu em rio de Óbidos-PA

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin


Foram cinco dias de buscas, quatro com a participação de mergulhadores do 4º Grupamento de Bombeiros Militar (4º GBM) de Santarém, oeste do Pará, mas o corpo de John Brendo de Oliveira Paiva, de 5 anos, não foi encontrado. Os trabalhos foram encerrados na tarde de quinta-feira (13).

De acordo com o subcomandante do 4º GBM, Major Celso Piquet, toda a área onde aconteceu o afogamento da criança e também os locais prováveis para onde o corpo poderia ter sido arrastado pela correnteza foram verificados, inclusive com realização de mergulho e aplicação das técnicas de resgate.

John Brendo de Oliveira Paiva, 5 anos.
Devido já ter se passado o tempo em que geralmente os corpos das vítimas de afogamento boiam na superfície, as equipes de resgate foram desmobilizadas para retornar a Santarém.

“Depois de incessantes buscas, por uma questão de conhecimento técnico dos nossos mergulhadores, as equipes foram desmobilizadas. É de conhecimento dos moradores de Óbidos e também dos nossos mergulhadores, que nem sempre a pessoa é ‘devolvida pelo rio’, essa é a expressão que se usa. Vamos aguardar, quem sabe em um outro momento o corpo seja devolvido e uma outra pessoa encontra. Os bombeiros fizeram o que tinha que ser feito, procuraram onde deveria ser procurado”, ressaltou Major Piquet.

O menino John Brendo participava de um passeio com familiares no dia dos pais, no local conhecido como Cabeça do Padre, uma espécie de porto onde embarcações ancoram para descarregar pescado. O momento era de diversão, quando de repente os familiares se deram conta de que o menino havia desaparecido. 

Desde então, as buscas foram iniciadas, primeiro com familiares e comunitários, mais tarde com o apoio da Defesa Civil Municipal, e partir do segundo dia, com auxílio de mergulhadores do Corpo de Bombeiros.

G1 Santarém 

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS

Últimas Notícias