ITAITUBA

Cabo é expulso da PM por morte de comissário em Belém

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin


O cabo Antônio Edson Rodrigues foi expulso da Polícia Militar e condenado a seis anos de prisão pela Justiça Militar na última segunda-feira (17). Ele é acusado de roubar o celular do comissário da Gol, Felipe Vieira Soares, de 29 anos, morto em abril deste ano, no bairro da Campina, em Belém, durante um assalto. Durante as investigações, a polícia descobriu que o telefone da vítima estava em poder do ex-militar, que foi um dos policiais que atenderam a ocorrência. Edson Rodrigues vai recorrer da sentença, mas permanece preso.


O caso 
O tripulante da companhia aérea Gol foi morto após reagir a um assalto na tarde do dia 3 de abril, no bairro da Campina, em Belém. O crime aconteceu na esquina das ruas 1º de Março e Gama Abreu. 
Segundo o Centro Integrado de Operações (Ciop), a vítima foi abordada por um homem armado, que pediu o telefone celular do tripulante. Vieira reagiu e foi atingido por um tiro nas costas. O resgate do Corpo de Bombeiros foi chamado em seguida para atender a vítima, que morreu no local.
Testemunhas contaram à polícia que Felipe estava com o celular na mão quando foi surpreendido pelo assaltante, que fugiu pela Rua 1º de Março.

Fonte: Plantão 24horas – News / Portal ORM

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS