ITAITUBA

Clima seco aumenta incidência de queimadas na zona urbana de Itaituba

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin


No último domingo (19) o Corpo de Bombeiros foi acionado pelo menos duas vezes para conter focos de incêndio em vegetação no perímetro urbano da rodovia Transamazônica, em Itaituba oeste do Pará. Um foco de incêndio tomou grandes proporções na altura do km 6, próximo ao Residencial Viva Itaituba.

Foto: Reprodução


As causas do incêndio são desconhecidas, no local que tinha uma extensa área de vegetação foi consumida  pelo fogo em pouco tempo. O corpo de bombeiros foi acionado por moradores, já que o fogo seguia em direção as casas. De acordo com o Sargento Nascimento do 7° Grupamento do Corpo de Bombeiros, o tempo seco e o vento contribuem para a propagação mais rápida do fogo. 

Foto: Reprodução


O proprietário do terreno não foi localizado, as chamas chegaram a invadir parte de uma área particular do Instituto Médico Legal, Renato Chaves. A segunda ocorrência de foco de incêndio, foi em uma área de vegetação no ramal do Jacarezinho. O corpo de bombeiros chegou a tempo de controlar as chamas.


Alerta do Corpo de Bombeiros 

A queima de lixo doméstico praticado por diversos cidadãos como forma de limpar terrenos baldios, além de causar danos à saúde pública com a fumaça, provoca risco de incêndio em proporções maiores, destrói a vegetação e pode causar a morte de animais nas redondezas. 

A Lei de Crimes Ambientais, nº 9.605, descreve no artigo 54 o crime de poluição, que configura o ato de causar poluição, que coloque em risco a saúde humana ou segurança dos animais, ou destrua a flora. 

On News

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS