ITAITUBA

Deslizamento: Cinco ficam feridos e não há mortos em garimpo

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin


Cinco pessoas tiveram ferimentos leves durante um soterramento registrado no garimpo ilegal instalado na Serra da Borda em Pontes e Lacerda (448 Km a oeste de Cuiabá) na tarde desta segunda-feira (19). 


As primeiras informações apontavam que tinham pessoas feridas e possivelmente soterradas. No entanto, o Corpo de Bombeiros apos atender a ocorrência, confirmou que ninguém morreu e nem se feriu com gravidade.
No entanto, o Corpo de Bombeiros fez o atendimento e encaminhou 5 homens para o Hospital Santa Casa da Misericórdia de Pontes e Lacerda, todos basicamente com pequenas escoriações.
Confira os nomes: Adélio Aquino Correia, Osmar Santana de Lima, Dieferson Jardim Lima, Matheus Fagundes Nieczay e Cristiano Soares dos Santos. Todos estão fora de perigo e após ficar em observação deverão ter alta médica. As idades não foram divulgadas.
Após o relato do acidente, o Corpo de Bombeiros mandou as primeiras viaturas para a região bem como Hospital Santa Casa. O garimpo está localizado numa fazenda a 20 Km da cidade.
População se aglomerou na frente do hospital em busca de informações
As primeiras informações, ainda desencontradas, causaram um alvoroço entre moradores de Pontes e Lacerda e pessoas de outras cidades, todas preocupadas com familiares que estão no garimpo. Dezenas de moradores se aglomeraram na frente do Hospital Santa Casa em busca de informações, já que não conseguiam contato com os familiares que estão no garimpo. A região é afastada da cidade e não há sinal de telefonia celular no garimpo.
Diante do tumulto em frente ao hospital, a funcionária do setor administrativo do hospital Claudenice Luzia Lima, pediu auxílio ao Gazeta Digital para tranquilizar a população. Ela explicou que os 5 homens encaminhados pelo Corpo de Bombeiros estão fora de perigo.
“Todos estão bem, não tem fraturas e nem sinais de qualquer ferimento grave. Eles sofreram só escoriações. Não tem óbito e segundo os bombeiros não tem mais vítimas, mas eles voltaram ao local do garimpo para averiguar novamente”, destacou Claudenice.
“O povo fala em várias pessoas soterradas, mas os bombeiros dizem que não tinham mais vítimas”, enfatiza. Claudenice explicou que os homens foram atendidos pela equipe médica e vão ficar em observação. Eles estão recebendo curativos e devem ser liberados hoje ou amanhã”, explicou ela relatando sobre o tumulto de pessoas na frente do hospital em busca de informações.


(Welington Sabino, repórter do Gazeta Digital / Colaboração de Jéssica Moreira, repórter do GD e Elayne Mendes, do jornal A Gazeta)

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS