ITAITUBA

Em Belém, moradores rompem tubulação para levar água para casa

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin


Chegando ao terceiro dia seguido sem água nas torneiras, moradores do bairro da Cremação, em Belém, tomaram uma medida para conseguir água. Na noite de segunda-feira (6), eles romperam uma tubulação da Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa) no canal da travessa Quintino Bocaiuva para encher baldes, garrafões d’água e até mesmo aproveitar para tomar banho no local. Durante a madrugada, foi intenso o fluxo de pessoas em busca de água no local.


A população de 24 bairros de Belém ficou sem água por causa de um desligamento programado pela Cosanpa para a realização de obras no Parque Estadual do Utinga. O serviço deveria ter sido normalizado no domingo (5), mas um incêndio provocado por curto-circuito nos quadros de comando da Estação Bolonha provocou um atraso na normalização do abastecimento de água na Grande Belém.
A tubulação na Cremação permanece jorrando água no início da manhã desta terça-feira (7). Moradores de outros bairros também foram ao local pegar água para levar para casa. Muitos reclamam do alto custo da água mineral e afirmam que também precisam da água para tomar banho e ir trabalhar.
De acordo com a Cosanpa, equipes trabalharam durante a madrugada para reestabelecer o fornecimento de água na cidade. Cerca de 80% do sistema elétrico, que havia sido comprometido, já estaria recuperado.
A Cosanpa afirma ainda que, com isso, o fornecimento de água que já havia começado na segunda-feira avançou e o retorno gradativo será maior durante a manhã desta terça-feira nos bairros Arsenal, Cidade Velha, Comercio, Campina, Reduto, Batista Campos, Umarizal, Nazaré, parte do Telégrafo, Guamá, Cremação, Condor, Jurunas, Marco, Curió-Utinga e Souza.
Ao longo do dia, com a finalização da recuperação do sistema elétrico, deverá ser normalizado o fornecimento de água em outros bairros como São Brás, Canudos, Fátima, Terra Firme, Sacramenta, Pedreira, parte do Telegrafo, Malvinas (Casota), Guanabara, Marambaia, Jaderlandia, Cidade Nova e Guajará.
Fonte: G1-Pará

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS

Últimas Notícias