ITAITUBA

Em dia histórico, Santarém tem segundo turno com segurança e tranquilidade

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin


Pela primeira vez decidindo uma eleição municipal em segundo turno, o município de Santarém, no oeste do Pará, viveu um domingo histórico neste dia 29 de novembro. A experiência inédita foi toda monitorada pelo Centro Integrado de Operações, enquanto a Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup) mobilizou um grande número de agentes de segurança, a fim de garantir a ordem e a tranquilidade para o exercício da cidadania.

Em Santarém, com mais de 220 mil eleitores, apenas duas situações consideradas leves foram registradas. A primeira ocorreu ainda pela manhã, quando uma mulher que trabalhava em uma das seções eleitorais gravou e divulgou o momento em que realizava o voto na urna. O vídeo foi divulgado em grupos de whatsApp, chegando ao conhecimento da Polícia Federal, que conseguiu localizar a responsável pelo vídeo, informou o delegado da PF Eric Melo.

“A mulher foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Federal em Santarém, onde foi lavrado o Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), pelo cometimento do crime eleitoral descrito no artigo 312, da Lei nº 4.737/65, que trata sobre a Violação do Sigilo do Voto e prevê pena de detenção de até dois anos. O aparelho celular da conduzida foi apreendido e será periciado pela Polícia Federal”, explicou o delegado.

Na avaliação do titular do Comando de Policiamento Regional 1, coronel Aldemar Maués, o segundo turno foi considerado sem anormalidade. “Apenas duas situações foram registradas. Além do caso da divulgação do voto, tivemos a denúncia de venda de bebida alcoólica em um bar. O proprietário também foi encaminhado para a Delegacia. Mais uma vez o Centro Integrado de Operações executou um bom serviço, mostrando que quando todos os órgãos trabalham de forma integrada, no mesmo lugar, resulta em maior eficácia ao serviço, e a gente avalia como positivo o trabalho dos órgãos de segurança”, acrescentou.

Fonte: Governo PA

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS