ITAITUBA

Envolvidos em chacina em Ourilândia do Norte são presos pela policia civil.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin


A Polícia Civil de Ourilândia do Norte, sudeste paraense, com o apoio da Divisão de Homicídios e do Núcleo de Apoio à Investigação de Redenção, prendeu cinco pessoas envolvidas na chacina ocorrida na fazenda Alana, em uma região conhecida como Placa da Bateia, zona rural do município, no dia 8 deste mês. José Vieira Mattos, mentor do crime, Natanael Rosa de Barros, Moisés Rosas de Barros, César Duarte Santiago e Osvaldo Antonio de Oliveira são acusados de assassinar a tiros quatro pessoas em Ourilândia do Norte. 
Testemunhas contaram que os pistoleiros entraram na propriedade e renderam as vítimas. Jadson Michel Pesconi, proprietário da fazenda, era alvo dos acusados. O objetivo era sequestrá-lo, pois ele receberia a quantia de 1 milhão de reais referente a um financiamento bancário. A vítima descobriu que seria sequestrada e foi até um dos mentores do crime, com quem teve uma discussão. No dia 8 de Outubro, ele foi atraído até a fazenda Alana por causa de dois animais supostamente doentes. 
Por causa disso, levou o veterinário da Adepara, Manoel de Paulo Ribeiro Filho, de 41 anos. No local já estavam Samuel Santos Oliveira, de 35 anos, e Josué Francisco Assis Souza, de 38 anos, funcionários da fazenda, que também foram mortos. Eles foram executados após a tentativa de sequestro dar errado, quando o veterinário tentou reagir à abordagem dos criminosos. 
Em depoimento, César Duarte Santiago, um dos acusados, confessou que junto com outras duas pessoas, teria participado do assassinato onde duas pessoas foram baleadas e carbonizadas dentro de um automóvel, em Vila União, zona rural de Ourilândia do Norte. 
Todas as armas de fogo utilizadas no crime foram encontradas, além das carteiras e dos celulares das vítimas carbonizadas. A motocicleta roubada e a motocicleta de um dos funcionários da fazenda também foi encontrada. A Polícia irá prosseguir com as investigações para prender mais duas pessoas envolvidas no crime. Os acusados estão recolhidos à disposição da justiça.

Fonte: policiacivil.pa.gov.br

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS