ITAITUBA

Executado com seis tiros dentro do carro em Parauapebas.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin


Até o fechamento desta matéria, a Polícia Civil ainda não tinha pistas seguras para chegar até o assassinato de Milton Bolcão, conhecido por “Cabeludo”, que foi executado com seis tiros por volta de 23h30 de quinta-feira (2), dentro do carro dele, em Parauapebas.

A vítima havia acabado de sair da casa da namorada dele, no Bairro dos Minérios. Ao entrar no carro, o homem foi alvejado com os tiros, sendo cinco na região do tórax e um no rosto.


Informação inicial dava conta que a vítima seria um informante da polícia, mas o delegado Paulo Junqueira, que está à frente das investigações, disse que “Cabeludo” era apenas amigo da polícia, por ele ser filho de criação de um investigador de Polícia Civil.


De acordo ainda com a autoridade policial, os tiros foram dados a curta distância pelo assassino, que estava escondido atrás da residência, que não tem muro, esperando Milton Bolcão sair da casa da namorada. Assim que ele entrou no carro, o assassino se aproximou e efetuou os disparos.


Delegado Paulo Junqueira acrescenta que depois de atirar na vítima o criminoso saiu correndo pelos fundos da casa e pegou uma rua paralela, onde havia outro elemento o aguardando para dar fuga.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS