ITAITUBA

Farmacêutico itaitubense faz esclarecimentos sobre automedicação, em decorrência da covid-19

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin


Há uma preocupação por parte do Conselho Regional de Farmácia, que se deu após relatos dos membros da classe sobre o grande fluxo da aquisição de medicamentos para o suposto tratamento ou cura da Covid-19. Segundo o farmacêutico Daniel Aguiar, as pessoas estão se automedicando até com produtos injetáveis vendidos em casas veterinárias. 
Farmacêutico Daniel Aguiar. Foto: (Reprodução)
“A classe farmacêutica do município de Itaituba está muito preocupada porque principalmente houve uma procura desenfreada de medicamentos, devido à muitos fakes News, e a população verifica isso e já vai às drogarias. A pessoa já compra sem ter nenhuma informação, sem conversar com seu médico ou farmacêutico. Isso tem preocupado muito a classe farmacêutica porque existe até um certo medicamento injetável que é vendido em casas veterinárias e a gente  já tem relatos que já tem pessoas tomando esses medicamentos “, disse o farmacêutico Daniel. 
A preocupação se estende também, segundo o farmacêutico, levando em consideração que todas as drogarias possuem farmacêuticos no seu quadro técnico, mas as pessoas não buscam se informar. Diante disso, Daniel  orientou a população a pedir orientação ao profissional antes de adquirir uma medicação, pois a automedicação pode gerar problemas hepáticos, renais, gastrointestinais, que com decorrer pode ser pior até mesmo que a Covid-19. 
O farmacêutico ressaltou que por enquanto não há nenhuma cura definida para o novo Coronavírus. O que existe são apenas experiências clínicas de profissionais que trabalham em regiões com um número maior de casos e que já têm um protocolo de tratamento. 
Plantão 24horas News.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS