ITAITUBA

Governador do Pará, Hélder Barbalho, decreta “lockdown” em dez municípios paraenses, que começará a valer na próxima quinta-feira (7).

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin


O Governador Hélder Barbalho decretou ” Lockdown” em dez municípios do estado do Pará. O anúncio foi feito em uma transmissão ao vivo nas redes sociais. 
O lockdown é uma nova medida de bloqueio total nos dez municípios paraenses. Além da capital, Belém, todos os que compreendem a região metropolitana mais seis, dois municípios do nordeste, que são Vigia de Nazaré e Santo Antônio do Tauá e o município de Breves, no Marajó, foram selecionados pelo governo porque apresentam número de casos de covid-19 acima das médias nacional e estadual, apresentando um número de 75 mil casos para 100 mil habitantes. No Pará, são 51 casos por cada 100 mil habitantes. O objetivo do governador é reduzir pessoas nas ruas, fazendo com que elas saiam de casa  apenas para realizar serviços essenciais. 
” Estou permitindo a saída para aquisição de alimentos, remédios, produtos médicos  e hospitalares, produtos de limpeza e higiene pessoal, porém apenas um membro da família pode fazer esta aquisição ; também estarei permitindo a saída para consultas e exames médicos, neste caso, podendo ter acompanhante; permitido saída para realização de saques e depósitos; saída para realização de trabalhos nos serviços e atividades essenciais ” disse o governador. 
Inicialmente, segundo o governador, as novas providências serão monitoradas em caráter “educativo”, sem punições àqueles que desrespeitarem o decreto, o que mudará a partir do domingo (10). O isolamento social no estado nesta terça é de 48,27%, abaixo do mínimo aceitável considerado por especialistas, de 50%. A taxa considerada como ideal pela Organização Mundial de Saúde (OMS) para conter a curva de contágio é de 70% de isolamento social. 
O decreto começará a valer somente a partir de quinta-feira (7) pois ainda será publicada em diário oficial do estado. 
Plantão 24horas News

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS

error: Entre em contato conosco para solicitar o uso de nosso conteúdo