ITAITUBA

Indígenas quebram câmeras de tv, na interdição da BR 163

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin


O primeiro vídeo mostra profissionais de Imprensa, com equipamento profissional, de canal ainda não identificado, sendo coagidos e tendo seu equipamento recolhido. Microfone, câmera e um objeto que parece ser de transmissão ao vivo via internet.

Equipe de TV na primeira foto e indígenas quebrando equipamento na outra. Foto: Reprodução 
No segundo vídeo as imagens mostram os indígenas quebrando os equipamentos a pauladas. E fotos registram que após quebrados os equipamentos foram queimados.
A BR 163 está interditada por indígenas no KM 30, Distrito de Campo Verde, Itaituba-PA, sentido Santarém/Cuiabá.
A manifestação dos indígenas tem o intuito de reivindicar uma provável aprovação do projeto de Lei de N°191/2020 que autoriza e estabelece critérios para a exploração mineral em reservas indígenas, o qual tramita no Congresso Nacional.
Veja o video


Cerca de 150 lideranças indígenas que representam aproximadamente 230 comunidades indígenas da região do Tapajós, estão coordenando o manifesto que teve início na manhã da última sexta-feira (02).
Com o fechamento da BR a fila de caminhões de grãos e cargas, bem como ônibus e outros veículos se acumulam ao longo do rodovia, sendo impedidos de passarem. 
Andréia News

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS