ITAITUBA

Marido traído agride companheira e cunhada a golpes de facão, em Itaituba

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin


Joacir Sousa Curuaia, garimpeiro de 28 anos de idade, não hesitou em confessar a autoria da agressão, de que foi vítima a companheira dele, identificada pelo pré-nome Daiane, e a cunhada, que não teve o nome revelado. “Eu sou garimpeiro, moço; sou trabalhador. Quando cheguei, só soube da notícia. ‘Ela tava’ me traindo.

Acusado Joacir Sousa.

Então, eu fiz; peguei o facão, amolei e fui pra lá. Bebi um pouco e fui tirar satisfação. Aí, eu cortei ela. A irmã dela meteu a mão e acabou sendo cortada também”, resume o agressor.

Cunhada

Uma equipe de socorristas do Corpo de Bombeiros foi acionada par ao local e prestou atendimento pré-hospitalar à cunhada do agressor, que teve ferimentos pelo corpo. Daiane, a companheira, já havia sido conduzida ao hospital.

Uma guarnição da PM também foi mobilizada e encontrou o agressor ainda no local da ocorrência. Joacir Curuaia, que é indígena natural de Altamira, não esboçou reação. Ele foi detido e encaminhado, junto com a arma do crime para apresentação ao plantão da Delegacia Especializada de Atenção à Mulher (Deam), podendo ser autuado em flagrante por por tentativa de feminicídio.

Portal Mauro Torres

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS