ITAITUBA

Movimentos sociais pedem justiça pela morte de Lorena Lima

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin


Ainda repercute na cidade o brutal assassinato da jovem Lorena Lima de Sousa, 24 anos, ocorrido na madrugada do último domingo (20). A vítima era candidata ao cargo de conselheira tutelar em Parauapebas.


Na última terça-feira (22), por ocasião da sessão ordinária na Câmara Municipal de Parauapebas, membros das instituições Levante Popular da Juventude, Pastoral da Juventude e Conselho Municipal da Juventude prestaram homenagem póstuma a Lorena Lima, cobraram justiça e fizeram manifestação para chamar a atenção quanto ao alto índice de violência contra jovens e mulheres no país.

Sensibilizado com os representantes dos movimentos sociais, o presidente da Câmara Municipal, vereador Ivanaldo Braz, concedeu o tempo de 15 minutos para que os jovens pudessem se manifestar em plenário antes da sessão. Um casal leu uma carta e falou um pouco do histórico de Lorena Lima, que era ligada às lutas sociais e às causas da juventude.

Os manifestantes alertaram as autoridades para o verdadeiro “extermínio” de jovens que está acontecendo no país pela falta de políticas públicas destinadas à juventude, que acaba absorvida pelo submundo do crime, transformando pessoas em assassinas e vítimas.

O jovem Edilson Gondin, representante do Levante Popular da Juventude, alertou que dentro de pouco tempo “seremos um país de idosos, porque nossos jovens estão morrendo”. Por várias vezes eles reforçaram que os sonhos de Lorena não morreram com ela.

Depois de usarem a tribuna, os jovens fizeram encenação teatral no auditório do Legislativo sobre a luta da juventude e em voz alta entoavam que a luta dos jovens não morre, “porque se um é morto outro surge em seu lugar”.
A jovem Lorena Lima foi assassinada com golpes de machado na cabeça dentro da casa da mãe dela, no Bairro Altamira. 

Fonte: (Vela Preta/Waldyr Silva / Fotos: Felipe Borges)

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS