ITAITUBA

Organização atua na gestão de recursos para promover ações de sanidade avícola em MS

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin


Com gestão da Funar/MS, Fuprisa é composto por instituições públicas e privadas e agroindústrias do segmento de corte, postura e genética de aves.

Contribuir com a prevenção e o controle de doenças na avicultura. Este é o objetivo do Fundo Privado de Sanidade Avícola (Fuprisa), reserva financeira destinada à prevenção e controle da doença de newcastle e influenza aviária em Mato Grosso do Sul. Este é o tema da editoria #EducaçãonoCampo desta quarta-feira (09).

Com gestão da Fundação Educacional para o Desenvolvimento Rural de Mato Grosso do Sul (Funar/MS), o fundo é constituído por empresas do segmento de corte, postura e genética, além de instituições públicas e privadas.

Visa o recolhimento de recursos para indenização de produtores no caso da ocorrência de doenças avícolas, além de sugerir programas de defesa sanitária e propor subsídios a políticas de desenvolvimento do setor.

“Quando se tem pessoas, instituições privadas e representativas, que entendem do assunto e estão diretamente envolvidas na área, a resposta vem. O objetivo é dar apoio técnico e operacional e promover iniciativas voltadas ao combate destas moléstias que podem acometer as aves, celebrar convênios e contratos para estudos e pesquisas técnicos-científicas, entre outros”, explica o superintendente da Funar/MS, Lucas Galvan.

Na sexta-feira (04), uma agenda virtual de balanço reuniu membros do Conselho Fiscal da Fuprisa e outros integrantes da Funar. Além do balanço de 2020, foram traçadas ações para o próximo ano. 

“Uma das metas é atrair mais produtores de aves de postura, que são aquelas destinadas à produção de ovos, também conhecidas como poedeiras. Sabemos que no estado existem avicultores com potencial nesta área e queremos a participação mais efetiva deles nessas ações”, explica a analista técnica do Sistema Famasul, Fernanda Oliveira.

Entre os membros do conselho estão representantes da Famasul, SFA/MS (Superintendência Federal da Agricultura), Iagro, Semagro, além da JBS Aves, BRF Foods, Coob-Vantress, Camva, Bello Alimentos e Seara Alimentos.

Fonte: CNA Brasil

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS