ITAITUBA

Pai é preso suspeito de estuprar e matar a filha de 3 anos em Altamira, no Pará

O corpo de Ângela Maria Santos de Jesus, de três anos, foi encontrado sem as roupas cerca de 20 metros da casa onde a família mora, no bairro Jatobá, em Altamira — Foto: Reprodução/TV Liberal

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Um homem foi preso neste sábado (26), em Altamira, sudoeste do Pará, suspeito de estuprar e matar a própria filha de 3 anos. De acordo com a polícia, Ângela Maria Santos foi encontrada morta em uma área de mata com sinais de violência sexual. A polícia afirma que exames de DNA ajudaram a identificar o pai da criança como autor do crime.

A morte de Ângela Maria ocorreu em outubro deste ano. Segundo as investigações, a menina desapareceu de casa durante a madrugada e foi encontrada morta na manhã seguinte, 20 metros do local onde família mora, no bairro Jatobá.

Na época do desaparecimento, os pais da criança disseram à polícia que todos dormiam na varanda da casa, em redes, e que só sentiram falta da menina por volta das 4h da madrugada, quando iniciaram as buscas.

No entanto, a polícia afirma que o pai da criança teria premeditado o crime às vésperas do desaparecimento. Os peritos concluíram que não havia possibilidade de uma outra pessoa invadir a casa para raptar a criança. Além disso, exames de DNA apontaram que havia material genético da menina nas mãos do pai.

Junto ao corpo da criança também estava o aparelho celular do pai. O aparelho teve o conteúdo analisado pela perícia e indicou o homem como autor do crime.

Segundo a Polícia, o suspeito ficará preso na Seccional de Altamira, onde ainda vai prestar depoimento.

 

G1 Pará

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS

error: Entre em contato conosco para solicitar o uso de nosso conteúdo