ITAITUBA

Polícias Civil e Militar prendem em Capitão Poço acusado de estupro de vulnerável

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin


As Polícias Civil e Militar de Tracuateua, nordeste paraense, prenderam, em cumprimento a mandado de prisão preventiva, Valdiney Oliveira Alves, de apelido “Ney”, acusado de estuprar uma menina de 11 anos. Ele foi localizado no interior do município de Capitão Poço, também no nordeste do Pará, onde estava escondido. A ordem de prisão foi resultado de inquérito policial instaurado pelo delegado Wander Veloso.
Valdiney foi indiciado pelo crime de estupro de vulnerável, em decorrência das investigações que comprovaram o crime praticado pelo preso em 9 de março deste ano.
Conforme o delegado, além de abusar da vítima, a menina chegou a ser levada de sua casa, em Tracuateua, pelo acusado para o interior de Capitão Poço. Durante as buscas ao acusado, ele foi preso também no interior do município e a vítima foi localizada. A ordem de prisão foi decretado pelo juiz da Comarca de Bragança. Valdiney está recolhido à disposição da Justiça.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS