ITAITUBA

Preço do botijão de gás de 13 kg chega a R$ 73 no sudeste do Pará

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin


Com o aumento no preço do botijão de gás de 13 kg, o valor do produto está R$ 57 em Belém e chaga custar R$ 73 no sudeste do Pará. Para economizar, moradores estão cozinhando no fogo a lenha.
Em Canaã dos Carajás, a aposentada Neuzir Brito tem que cozinhar no fogo a lenha, coisa que ela fez por muito tempo quando jovem e morava na zona rural. Ela conta que tem um botijão em casa, mas só usa para esquentar a comida no fogão.
“Agora, com 70 anos, eu tenho que voltar para a lenha de novo. Eu não acho muito certo não, porque o gás subiu um absurdo e para economizar a gente tá fazendo desse jeito”, afirma Neuzir.
Aumento
O gás de cozinha está mais caro desde o dia 1º de setembro, quando a Petrobrás reajustou o preço depois de 13 anos. O reajuste passado para as distribuidoras foi de 15%.
De acordo com donos de distribuidores de gás na região, a variação de preço de uma cidade para outra é consequência do frete pago para que o produto chegue ao consumidor. “O gás a gente pega longe, em Belém. O custo do combustível já aumentou diversas vezes no ano passado, então tem que repassar porque senão não temos uma margem de lucro”, explica Joaquim Alves, gerente de distribuidora.
Em um restaurante, para que o cardápio fique pronto todo dia, são utilizados dois botijões industriais por semana. Cada um custa R$ 240.
Por enquanto, o aumento ainda não chegou para os consumidores. “A gente está tentando fazer da melhor forma possível para tentar segurar o preço, o valor da refeição. Vamos ver até quando vai dar para segurar”, disse o churrasqueiro Gilson de Paiva.
Fonte: https://www.facebook.com/plantao24horasnews

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS