ITAITUBA

Projetos de infraestrutura são destaque do Governo do Pará em Fórum 2020 da ABDIB

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin


O Governo do Pará, representado pelo titular da Secretaria de Transportes (Setran), Adler Silveira, participou, em Belém, de uma reunião com outros gestores públicos no Fórum 2020 da Associação Brasileira da Infraestrutura e Indústrias de Base (ABDIB) nesta quarta-feira (09). A videoconferência reuniu ainda o governador do Mato Grosso, Mauro Mendes, o governador do Piauí, Wellington Dias, e a Chefe da Assessoria Especial do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), Verônica Sánchez.

No encontro, autoridades governamentais podem apresentar o andamento de projetos estratégicos em áreas como planejamento e mobilidade urbano, saneamento e infraestrutura, que atraiam parceiros no desenvolvimento das obras, proporcionando desenvolvimento econômico e social para a população. 

“Estamos falando da ordem de R$ 2 bilhões em investimentos que contemplam rodovias, portos, viadutos, passagens e outros. Através da infraestrutura, poderemos conectar todo o Estado e ter modais que irão transformar a realidade do Pará. Também estamos falando de políticas públicas que se revertam no bem-estar das comunidades, trazendo ainda mais desenvolvimento, para Ampliar recursos nas demais políticas públicas e a conexão entre o público e o privado”, destacou Adler Silveira. 

Durante a ocasião, as parcerias público-privadas foram apontadas como um dos pilares da gestão do Governo do Pará, de forma a criar um ambiente de segurança jurídica, com capacitação de mão-de-obra qualificada, com fomento ao desenvolvimento através de possíveis isenções fiscais, apresentando a investidores não só a infraestrutura do Estado como uma opção de negócios, mas também as outras frentes de vocações econômicas que ele possui. 

“Nós temos a mineração, a pesca, a agroindústria do dendê, por exemplo, e o setor de grãos, saindo no Tocantins e subindo pelo sudeste, nordeste do Estado também. Há ainda a vocação própria da logística, um porto com a melhor localização estratégica em termos de distância do Brasil, se comparado aos portos de Santos e Paranaguá;  o Porto de Vila do Conde, em Barcarena. Estamos próximos aos grandes hubs portuários do mundo: Baltimore, nos Estados Unidos, e Roterdã, na Holanda, e próximos do mercado asiático, com menos tempo de viagem se comparado aos portos do Sudeste se fizer uma rota pelo istmo do Panamá”, detalhou Silveira. 

Outro ponto ressaltado na reunião foi a prioridade conferida no incremento à mobilidade urbana, especialmente nos grandes centros, devido à sua densidade populacional mais elevada. Obras como a expansão do BRT, o sistema viário que liga o centro de Belém às demais regiões metropolitanas, a criação de vias alternativas para a entrada e saída da capital paraense, como o projeto de construção da Rodovia Liberdade, representam um dos esforços empreendidos pelo Estado nesse sentido. 

Os demais centros também integram esse rol, como Santarém, no oeste do Pará, e Marabá, no sudeste paraense, onde o Estado vem fazendo parcerias com o executivo municipal trabalhando através de convênios, em vias de duplicação, na construção de elevados, rotatórias que possam trazer mobilidade nessas cidades, segurança, conforto no deslocamento urbano e  melhor qualidade de vida para toda a sociedade. 

Fonte: Governo PA

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS

error: Entre em contato conosco para solicitar o uso de nosso conteúdo