ITAITUBA

Secult: webinário discute o teatro musical como espetáculo dentro da ópera

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin


O II Curso de Formação em Ópera chega na sua reta final e com ele acontece, nesta sexta-feira (4), a última edição do webinário, cujo tema será o “Teatro Musical: um espetáculo à parte”. O evento tem início às 17h, com transmissão gratuita pelo canal do Youtube do Theatro da Paz. Desde agosto, foram realizados 16 webinários durante toda a programação do XIX Festival de Ópera do Theatro da Paz, projeto realizado pelo  Governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Cultura (Secult), da Paz e Academia Paraense de Música (APM).

O objetivo do webinário desta semana é discutir o teatro musical a partir da perspectiva da produção, da técnica e, claro, sobre o cenário cultural em meio a uma pandemia e as expectativas para 2021. Com mediação do diretor, produtor e dramaturgo Guál Dídimo, o encontro conta com a presença da produtora Ivana Sarmanho, do diretor e produtor Pedro Alcântara Júnior e do coaching vocal e diretor teatral Rafael Villar.

Não é novidade que 2020 foi um grande desafio para os realizadores culturais, que foram obrigados a congelar projetos por conta do distanciamento social provocado pela pandemia. Mas foi do silêncio das ruas que o alvoroço se fez ali, dentro de casa. O diretor e produtor Pedro Alcântara Júnior conta que os produtores paraenses têm trabalhado bastante na elaboração de projetos para quando a presença física for permitida.

“Nesse tempo de pandemia, a gente foi desafiado a atualizar técnicas de produção, de troca, de trabalho mesmo. Então, em casa, a produção teatral está fervilhando. Nós, produtores, estamos muito otimistas, estruturando projetos culturais para quando retornarmos às programações normais”, revela.

Durante toda a programação virtual do Festival, estiveram presentes profissionais de diferentes áreas de atuação dentro do universo teatral e lírico, trazendo suas experiências e perspectivas sobre temas, como cenografia, produção, preparação vocal, entre outros. Ivana Sarmanho é produtora há 22 anos e já realizou espetáculos como O Rei Leão e O Fantasma de Ópera, e celebra as novas formas de se fazer arte.

“Foi super importante essa troca de experiência entre os participantes, até porque qual é a possibilidade de isso acontecer se não fosse online? Então, certamente a pandemia trouxe ‘vantagens’. Era tudo muito presencial, e agora a gente vê que se abriram tantos outros leques de estabelecer essa troca. Ela é possível e é super importante. Agora não temos mais fronteiras, descobrimos isso”, celebra.

Festival Online – Em sua décima nona edição, o Festival de Ópera do Theatro da Paz apresentou em 2020 um formato direcionado à capacitação de profissionais da cadeia produtiva das artes cênicas e musicais. O projeto é o início da transformação do Theatro da Paz, num futuro próximo, em teatro-escola.

Durante os cinco meses de programação, o II Curso de Formação em Ópera ofereceu 80 bolsas de estudos, sendo 40 destinadas aos cantores líricos e 40 para técnicos que atuam na produção dos espetáculos. Por conta do desafio de ser totalmente virtual, o Festival acabou por abranger profissionais de outras cidades paraenses e aumentou a possibilidade de trazer para as formações a participação de cantores, produtores, cenógrafos e filósofos do Brasil inteiro e de outros países. (Com informações de Sorella Conteúdo).

Serviço:

Webinário “Teatro Musical: um espetáculo à parte”

XIX Festival de Ópera do Theatro da Paz – II Curso de Formação em Ópera

Sexta-feira (4), às 17h

No canal do YouTube do Theatro da Paz

Programação gratuita e aberta ao público.

Fonte: Governo PA

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS