ITAITUBA

SINJOR solicita a inclusão de jornalistas entre os grupos prioritários de vacinação contra a COVID-19

Jornalista – ilustração. Foto: Deposit Photos.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

O Sindicato dos Jornalistas do Estado do Pará (SINJOR) enviou, nesta terça-feira (26), um ofício ao Prefeito de Itaituba (PA), Valmir Climaco, solicitando a inclusão dos profissionais da comunicação entre os grupos prioritários de vacinação contra a COVID-19, conforme estabelece o Decreto n. 10.288, de 22 de março de 2020.

O intuito é priorizar a vacinação para “repórteres, cinegrafistas, fotógrafos, motoristas, e todo e qualquer profissional de televisão, rádio, impresso ou portal”, uma vez que tal categoria, em exercício da profissão, está diariamente se expondo ao risco de ser contaminada pela doença.

Primeira parte do Ofício SINJOR/PA n. 010/2021.

Para se ter uma ideia, o Brasil é o segundo país com mais óbitos de jornalistas pela COVID-19, apontam dados da Press Emblem Campaign (PEC). Ainda segundo a PEC, durante a pandemia, o país perdeu 65 profissionais de comunicação.

Segunda parte do Ofício SINJOR/PA n. 010/2021.

Nesse sentido, o SINJOR/PARÁ entende que, devido à natureza da profissão, os jornalistas que saem para trabalhar estão particularmente expostos ao vírus. Além do mais, argumenta que,

“se milhões e milhões de pessoas no mundo inteiro podem ligar a TV, o rádio ou checar o celular e ler uma notícia atualizada e de qualidade, é porque tem uma equipe de jornalistas saindo de casa todos os dias e se colocando em risco para produzir a informação. A imprensa não parou um dia sequer, e muitos adoeceram e morreram”.

Fonte: Plantão 24horas News.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

RELACIONADAS