quinta-feira, maio 23, 2024

Casal é preso por tráfico de entorpecente e falsidade ideológica na região garimpeira de Itaituba

A guarnição da Policia Militar da comunidade de Cuiú-Cuiú recebeu uma denúncia anônima, onde uma mulher estaria fazendo a comercialização de entorpecentes nas proximidades de um bar.

De posse das informações,  os policiais foram até o local e se depararam com a suspeita Lucimara de Souza Feitosa, 25 anos, conhecida por ‘Lalá’ e seu companheiro Levi de Souza Azevedo conhecido por “Levi”, os dois foram abordados.

A princípio, foi feito uma revista  em Levi e no momento não foi encontrado nada de entorpecente, além de uma quantia em dinheiro de R$ 318,00 reais e um celular Red MI 08 de cor azul, posteriormente os dois, foram conduzidos até o PPD para ser feita uma revista minuciosa em Lalá, que no momento foi pedido o auxilio da  Valmerinda Amorim para realizar a revista pessoal em Lalá, o qual não foi encontrado nada com a mesma.

Já na  segunda revista minuciosa realizada em Levi foi encontrada 5 embalagens de uma substância entorpecente análoga a COCAINA, dentro de sua cueca, entorpecente este que Lalá afirmou ser seu e que estaria comercializando na comunidade.

Lalá,  informou aos policiais que ainda tinha uma grande quantia de entorpecente guardado dentro de uma geladeira velha na vila onde estava morando. Ao chegar no local foi encontrado o material entorpecente utilizado para comercialização.

Os militares ao verificar o RG de LALÁ foi observado que a foto estaria em desacordo com o padrão, usado nas identificações fotos diferentes, ao ser questionada sobre o RG. A mesma informou que seria de sua irmã e que teria retirado a foto e colado a sua para que pudesse viajar de Manaus até a comunidade de CUIÚ-CUIÚ.

Diante dos fatos foi dado voz de prisão aos mesmos. O Delegado de plantão Marcelo foi comunicado e os dois serão conduzidos para Delegacia de polícia civil para as devidas providências cabíveis.

Fonte: Plantão 24horas News

RELACIONADOS

Mais Visualizados