domingo, maio 26, 2024

Check up pode prevenir doenças fatais e tratamentos debilitantes

Indicado para pessoas de todas as idades, conjunto de exames periódicos permite a detecção precoce de doenças e um melhor gerenciamento de hábitos.

O check up médico — nome dado a uma série de exames e testes realizados periodicamente para avaliar o estado geral da saúde de um paciente — é uma ferramenta fundamental para o monitoramento de condições médicas e a detecção precoce de doenças, permitindo intervenções mais eficazes e tratamentos adequados.

Embora a frequência e os componentes específicos do check up possam variar de acordo com fatores diversos — como histórico médico pessoal e familiar, idade, sexo, estilo de vida, ocupação e fatores de risco individuais —, ele é indicado para todas as pessoas.

Um dado, no entanto, é preocupante: segundo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 76% da população brasileira não realizam regularmente avaliações médicas individualizadas. Ou seja, três em cada quatro pessoas no Brasil vivem sob o risco silencioso de uma série de doenças e condições médicas, desde as mais comuns até as mais graves, incluindo aquelas que mais matam os brasileiros, como doenças cardiovasculares e cânceres.

E por que realizar um check up? É durante esse processo que profissionais qualificados podem trabalhar aspectos tão cruciais da saúde, como investigar condições relacionadas à cardiologia geral, por exemplo.

É também através do check up que os pacientes, acompanhados dos profissionais de saúde, têm a oportunidade de agir antes que condições como essas evoluam para estágios avançados, em que tratamentos invasivos e debilitantes, como cirurgias arriscadas, quimioterapia e hemodiálise, podem ser necessários. Ao monitorar sinais e sintomas do câncer de cólon e reto, por exemplo, é possível evitar agravamento da doença.

O que o check up é capaz de detectar?

Um check up pode detectar uma ampla variedade de patologias. Doenças cardiovasculares, como hipertensão arterial, doença arterial coronariana, arritmias cardíacas e insuficiência cardíaca são identificadas em exames. Diabetes tipo 2 e pré-diabetes também podem ser acompanhados por investigações simples.

Cânceres comuns também costumam ser encontrados em exames de rotina. Fatores de risco do câncer de mama, por exemplo, são reconhecidos em consulta médica com o especialista, mas análises clínicas mais qualificadas podem ser necessárias para descobrir câncer colorretal, câncer do colo do útero, câncer de próstata e outros.

Doenças pulmonares, como asma, doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) e fibrose pulmonar também aparecem em exames, assim como doenças renais, incluindo insuficiência renal crônica e outras condições. 

Da mesma forma, um check up pode identificar doenças hepáticas, como hepatite, esteatose hepática (fígado gorduroso) e cirrose; doenças ósseas, como osteoporose; distúrbios da tireoide, como hipotireoidismo e hipertireoidismo.

Além disso, numa bateria de exames podem ser detectadas outras condições de saúde, como distúrbios da saúde mental, deficiências nutricionais, problemas de visão e infecções sexualmente transmissíveis (ISTs).

Quais as principais indicações para um check up?

As indicações para realizar um check up médico podem variar de acordo com fatores individuais. A idade é uma das mais comuns. Adultos saudáveis são recomendados a realizar um check up anualmente, enquanto crianças e adolescentes podem precisar de exames completos menos frequentes.

No caso de rastreamento de doenças, em certas faixas etárias e grupos populacionais, os check ups podem incluir exames de investigação para cânceres comuns, como mamografia para câncer de mama, colonoscopia para câncer colorretal e exame de Papanicolau para câncer do colo do útero.

O check up é ultra indicado para pessoas com fatores de risco conhecidos para certas doenças, como tabagismo, obesidade, sedentarismo, histórico familiar de doenças genéticas ou hereditárias. Igualmente, os exames são recomendados para monitorar doenças crônicas, como diabetes, hipertensão arterial, doenças cardíacas, doenças renais ou distúrbios da tireoide.

Por fim, a bateria de exames é indicada quando há necessidade de aconselhamento de saúde. Além da avaliação médica de rotina, os check ups oferecem a oportunidade de receber aconselhamento personalizado sobre hábitos de vida saudáveis, como dieta, exercícios físicos, gerenciamento do estresse e prevenção de lesões.

Como solicitar um check up?

Para solicitar um check up médico, é necessário primeiro escolher um médico ou clínica confiáveis. Em seguida, deve-se agendar uma consulta para discutir a realização do check up, informando o objetivo da visita. Durante a consulta, é importante fornecer informações sobre o histórico médico pessoal e familiar, além de conversar sobre quaisquer sintomas ou preocupações de saúde. 

Com base na avaliação médica, serão recomendados exames específicos, os quais poderão ser agendados conforme orientação do médico. Após a realização dos exames, será marcada uma consulta de acompanhamento para revisar os resultados e discutir recomendações ou tratamentos adicionais, se necessário. 

É fundamental manter uma comunicação aberta com o médico durante todo o processo, garantindo que o check up seja personalizado de acordo com as necessidades individuais de saúde.

RELACIONADOS

Mais Visualizados