quinta-feira, maio 23, 2024

Polícia Civil, SEMMA e IBAMA deflagram a OPERAÇÃO MONTE CRISTO III em Rurópolis PA

A Polícia Civil de Rurópolis sob o comando do Delegado Ariosnaldo Vital Filho e a Supervisão do Superintendente do Tapajós, Vicente Gomes, deflagrou na cidade de Rurópolis Sudoeste do Pará, a Operação Monte Cristo III, que aconteceu na área Rural do município na madrugada desta terça-feira (07).

A ação, contou com policiais civis de Rurópolis, Placas e Itaituba, Agentes do Ibama e Fiscais da Secretaria de Meio Ambiente do Município de Rurópolis, que estiveram envolvidos nas investigações e levantamento dos crimes ambientais ocorridos na Região de Monte Cristo desde o início do mês de junho.

Equipes chegando ás margens do Rio na Comunidade/Foto: Divulgação PC RPS

O local, já foi palco de conflitos agrários nos anos de 2019 e 2020, na ocasião, várias pessoas foram presas portando arma de fogo e munições.  Com o intuito averiguar uma denúncia anônima de pesca predatória na Comunidade, a equipe se deslocou em um barco do Ibama até Monte Cristo, sentido ao Distrito de Fordlândia, e nas margens do Rio Tapajós se depararam com o primeiro pescador se utilizando de uma “malha”, objeto esse que é proibido.

Primeiro Flagrante da prática irregular registrada/Foto: Divulgação PC RPS

O homem foi identificado como Hilário Quebing de 43 anos de idade, natural de Capanema e atualmente residente da cidade de Itaituba. Os agentes da Secretária do Meio Ambiente de Rurópolis lavraram um Auto de Infração aplicando uma multa de R$ 3.080,00 à ele, no local foi apreendido uma malhadeira de 250 MM, totalizando a metragem de 110 metros, posteriormente Hilário acompanhou a equipe e foi conduzido até Delegacia de Polícia Civil para prestar esclarecimentos.

Ainda em missão as margens do Rio Tapajós, os agentes localizaram nas proximidades da Comunidade de Brasília Legal, município de Aveiro-PA, mais um pescador atuando de forma irregular. Ele foi identificado como William Silva Sead, e contra ele também foi lavrado um Auto de Infração pelo Ibama, sendo apreendido uma malhadeira de aproximadamente 150 metros. Ele também seguiu viagem na Companhia das autoridades para prestar depoimento na DEPOL.

Segundo flagrante de pesca irregular no Rio da Comunidade/ Foto: Divulgação PC RPS

A Operação Policial alcançou 100% de êxito identificando e autuando as pessoas apontadas como autores da pesca ilegal, que com o ato estavam trazendo prejuízos a pesca de consumo a população ribeirinha.

Pescado Apreendido/Foto: Divulgação PC RPS

Todo o material apreendido, ficou sob a responsabilidade dos demais órgãos envolvidos para autuação e demais providências.

material e um dos pescadores apreendido/ Foto: Divulgação PC RPS

No mês em que celebra a proteção ao meio ambiente, esta é considerada a primeira Operação Policial deflagrada de forma integrada com os demais órgãos legalmente constituídos para a defesa do meio ambiente.

Fonte: Portal Plantão 24horas News

RELACIONADOS

Mais Visualizados