quarta-feira, julho 17, 2024

Regional de Marabá alcança quase 100% de satisfação dos pacientes no primeiro semestre de 2024

Usuários elogiaram a cordialidade, profissionalismo e atendimento humanizado dos colaboradores, além da organização e higiene impecáveis

Antônio José Freitas, 64 anos, morador de Marabá, foi encaminhado ao Hospital Regional do Sudeste do Pará – Dr. Geraldo Veloso (HRSP) para uma consulta ortopédica. Satisfeito com o atendimento recebido, ele se junta aos 98% dos pacientes que avaliaram positivamente os serviços do hospital nos primeiros seis meses de 2024.

“Fui bem tratado desde a recepção até o consultório. A equipe é incrivelmente atenciosa e eficiente, o que faz toda a diferença para nós, pacientes. Precisei realizar uma cirurgia na mão e recebi todo o apoio necessário da equipe do hospital, que realizou a operação com sucesso. Agora, estou em casa me recuperando”, afirmou Antônio.

A alta satisfação dos pacientes na unidade de saúde pública do Governo do Pará, gerenciada pelo Instituto Social e Ambiental da Amazônia (ISAA) em parceria com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), é continuamente monitorada pelo Serviço de Atendimento ao Usuário (SAU). Por meio de questionários, coleta as opiniões dos usuários, comprovando a excelência do atendimento prestado pelo hospital.

Sandra Silva, moradora de Bom Jesus do Tocantins, encaminhada para consulta cardiológica na instituição, parabenizou o serviço de atendimento ao usuário pelo compromisso e transparência em ouvir as necessidades dos pacientes no hospital. “Fiquei satisfeita com o atendimento que recebi aqui no Regional. Desde o início, fui tratada com respeito e atenção, e todas as minhas dúvidas foram esclarecidas com clareza e paciência. Senti-me acolhida e segura durante todo o processo,” enfatizou.

Mara Silva, referenciada para realizar exame de ressonância magnética na instituição, elogiou o serviço prestado e destacou o atendimento humanizado como um diferencial. “Encontrei aqui não apenas cuidados médicos, mas também compreensão e empatia. Fui tratada como uma pessoa, não apenas como mais um paciente, e isso faz toda a diferença para quem está enfrentando questões de saúde delicadas,” explicou.

Pesquisa – Flavia Fernandes, coordenadora do serviço de atendimento ao usuário, destacou que, de janeiro a julho de 2024, a instituição aplicou mais de 9 mil questionários junto aos pacientes. Esses questionários avaliaram diversos aspectos, incluindo receptividade, acolhimento, qualidade técnica dos serviços e infraestrutura da unidade.

“Estamos orgulhosos do resultado alcançado, refletindo nosso compromisso diário com a excelência no atendimento e a qualidade dos serviços oferecidos aos nossos pacientes. Continuaremos trabalhando para manter esse padrão elevado e garantir que cada pessoa que passa por nossa instituição receba o cuidado humanizado que merece”, explicou.

De acordo com Flávio Marconsini, diretor-executivo do hospital, as pesquisas são realizadas diariamente com os pacientes, tendo como aspectos mais bem avaliados o atendimento humanizado, a organização, a higiene e limpeza, assim como a cordialidade e o profissionalismo dos colaboradores.
“A excelência no atendimento não é apenas uma meta, mas um compromisso que assumimos diariamente. Estamos buscando melhorar e adaptar nossos serviços para atender às necessidades dos nossos pacientes. Cada opinião é valiosa sendo combustível para seguirmos em frente, garantindo um atendimento cada vez de qualidade”, destacou.

O diretor ainda enfatizou que o sucesso alcançado se deve ao esforço diário dos colaboradores em proporcionar um serviço de excelência. Ele destacou o projeto “Colaborador Nota 10”, realizado pela ouvidoria do hospital que reconhece os profissionais mais bem avaliados pelos pacientes.

“Recentemente, durante o projeto “Açaí e Prosa” desenvolvido pelo setor de gestão de pessoas da unidade, esses colaboradores foram homenageados e tiveram a oportunidade de discutir diretamente com a direção do hospital pontos e sugestões para aprimorar o atendimento na unidade”, explicou.

Perfil: Os serviços no Hospital Regional do Sudeste do Pará são 100% pelo Sistema Único de Saúde (SUS). A unidade é referência e conta com 135 leitos, sendo 97 de internação clínica, e 38 Unidades de Terapia Intensiva (UTI) – Adulto, Pediátrica e Neonatal.

Fonte: Plantão 24horas News – Ascom/HRSP

RELACIONADOS

Mais Visualizados