quarta-feira, julho 17, 2024

Teve paraense no podium nacional do Prêmio IEL de Talentos 

No evento de premiação também estiveram presentes, representando o IEL Pará, a coordenadora de Estágio, Joseli Figueiró; a psicóloga Organizacional, Nayana Silva; e a supervisora de Convênios e Contratos, Luana Menezes. 

O estudante Rafael Cerqueira do Nascimento, estagiário do Instituto Euvaldo Lodi (IEL/PA), foi o segundo colocado na etapa nacional do Prêmio IEL de Talentos, que reconhece anualmente as melhores práticas de estágio desenvolvidas pelas empresas e instituições de ensino, em todo o Brasil. Premiado na modalidade Estagiário Inovador – Categoria Micro e Pequena Empresa, concorreu com o projeto “Observatório Mercado e Estágio”, um BI (business intelligence) para subsidiar a tomada de decisão estratégica do IEL. Ao todo, o paraense disputou a premiação com oito candidatos nacionais. 

A cerimônia realizada na última quinta-feira, 26/10, reuniu em São Paulo estudantes, empresários, gestores e representantes de instituições acadêmicas, além de demais parceiros do Sistema Indústria. Durante o evento, o Departamento Regional do IEL no Pará e a coordenadora de Projetos do IEL, Marcella Dias, que supervisionou Rafael em seu período de estágio, também foram homenageados. 

Foto: FIEPA

“Ficamos muito felizes com este reconhecimento, pois significa que o Programa de Estágio do IEL está dando bons resultados para o nosso Estado, a partir de um trabalho conjunto que envolve as instituições de ensino, os alunos, o próprio IEL, e as empresas, oportunizando para estes jovens um aprendizado extremante importante para sua formação pessoal e profissional”, comemora Carlos Auad, superintendente do IEL/PA. 

Para o estagiário Rafael Nascimento, o resultado representa superação, trabalho em equipe e oportunidade. “Quando a gente fala de um prêmio de talentos, a gente está falando também de oportunidade, e essa oportunidade foi justamente dada a mim de construir um projeto e implementar. Então, com base nessa soma de forças, veio o êxito que é o segundo lugar na categoria de Estagiário Inovador do Prêmio IEL de Talentos, algo que significa muito para mim, tanto pessoal quanto profissionalmente”. 

Foto: FIEPA

Anteriormente conhecido como Prêmio IEL de Estágio, a premiação deste ano foi reformulada e ampliada visando destacar a importância do estágio para o desenvolvimento, formação e preparo dos jovens para os desafios de um mercado cada vez mais competitivo. No Pará, o Prêmio recebeu inscrições em três modalidades: estagiário Inovador, Empresa Inovadora e Educação Inovadora. 

Fonte: Plantão 24horas News, com informações FIEPA

RELACIONADOS

Mais Visualizados