segunda-feira, maio 20, 2024

Delegado lança livro sobre CRÔNICAS em Rurópolis

Obra 'As Crônicas das Semanas’ foi escrita pelo delegado Ariosnaldo Vital Filho, narrando a simplicidade do cotidiano de Rurópolis

Intitulada ‘As crônicas das Semanas’, uma coletânea de textos publicadas semanalmente em um blog da cidade de Rurópolis acabou virando livro. Isso porque na obra do delegado Ariosnaldo Vital Filho, a simplicidade do cotidiano de uma jovem cidade no meio da Amazônia conquistou o coração do Policial Civil que passou a relatar desde 2014 as histórias vivenciadas e contadas pelo povo, de um jeito leve e descontraído.

“O livro é uma produção de crônicas regionais, um convite ao mundo de pessoas simples da transamazônica como colonos, agricultores, pescadores, vendedores ambulantes, pequenos comerciantes, donas de casa e outros que transitam por lugares pitorescos no município de Rurópolis”, declarou o delegado.

Desde o início as crônicas despertaram paixões nos seus leitores, que passaram esperar as publicações dos textos do delegado nas sextas-feiras no blog local, e com o passar do tempo o escritor passou a ter um elo afetivo e um compromisso com seu público fiel que gostava de ser visto nas histórias contadas.

“A vida no interior é retratada por narrativas encantadoras dotadas de uma linguagem acessível com conteúdo eclético, divertido, emotivo e títulos curiosos misturando doses de fantasia a realidade” ressaltou a advogada Eliane Vieira dos Santos, quem prefaciou o livro.

Passados os anos, em pleno 2024, o regionalismo das crônicas permanecem com grande aceitação popular.
“A crônica é algo que quer negar aquilo que o tempo pode corroer, e o que realmente pode vencer o tempo? É a beleza das crônicas que perpetuam no tempo” pontuou Benilton Cruz, professor do curso de Letras da Universidade Federal do Pará.
A obra foi lançada oficialmente no dia 10 de maio, na Câmara Municipal de Vereadores, em Rurópolis, no dia do aniversário de emancipação política da cidade, como apoio de vários seguimentos da sociedade que valoriza e incentiva a produção literária e cultural no município.

O evento foi um marco no município, considerado acolhedor e diferente contando com pessoas de vários seguimentos da sociedade, de diversas idades, residentes na zona rural e urbana.

O curioso que estiveram presentes os personagens da vida real, as pessoas que inspiraram as histórias contadas, além de escritores e poetas locais, professores, alunos, servidores públicos, figuras públicas e políticas, policiais civis e militares, que foram presenteados com o livro.

Alguns exemplares vão ficar disponíveis à venda em uma livraria de Belém, mas a grande maioria será distribuída em universidades e poderá ser mais uma ferramenta a ser utilizada nos debates acerca do tema.

Fonte: Plantão 24horas News

RELACIONADOS

Mais Visualizados