domingo, maio 26, 2024

Polícia Civil do Pará prende suspeito pela morte do delegado amazonense

A Polícia Civil do Pará prendeu, neste domingo (30), na cidade de Araguaína, Estado do Tocantins, Deyvide José Santos, acusado de participação na morte do delegado de Polícia Civil do Amazonas Aldiney Goes Alves. O crime que vitimou o agente ocorreu na última sexta-feira (28), durante o roubo a uma farmácia localizada no bairro da Sacramenta, em Belém.

O Delegado-Geral da Polícia Civil do Pará, Walter Resende, destacou que, a partir de uma força tarefa montada pelos órgãos de segurança do Estado, foi possível, em menos de 24 horas após o ocorrido, identificar os envolvidos. As investigações policiais apontaram ainda que, após o crime, os dois suspeitos empreenderam fuga rumo ao estado do Tocantins, onde foram localizados.

O indivíduo preso será autuado em flagrante e colocado à disposição do Poder Judiciário. As buscas seguem, por meio de ação conjunta das Polícias Civis dos Estados do Pará e do Amazonas, a fim de localizar um segundo envolvido, identificado como Mikael de Souza, que empreendeu fuga no momento da abordagem. Ainda de acordo com o Delegado-Geral Walter Resende, outras pessoas envolvidas no crime já foram identificadas.

“Existem outros envolvidos que já temos identificação. Agora é questão de realizarmos as prisões ainda em estado flagrancial em razão de, desde sexta-feira, os órgãos de segurança do estado estarem em perseguição ininterrupta aos criminosos” declarou o delegado Resende.

A Polícia Civil do Pará reforça que quaisquer informações que auxiliem nas investigações podem ser repassadas pelo disque denúncia, através do número 181. O sigilo é garantido.

Com informações Agência Brasil

RELACIONADOS

Mais Visualizados