domingo, maio 26, 2024

Polícia Federal prende cinco membros de suposta seita em Tucuruí PA

 

A Polícia Federal deflagrou a Operação “São Lucas” que cumpriu cinco mandados de prisão, sendo dois de prisão preventiva e três de prisão temporária. Quatro mandados de busca e apreensão contra membros de uma suposta seita em Tucuruí, sudeste do Pará.

A operação tem o objetivo de combater a submissão de empregados ao trabalho análogo à escravidão. A ação foi em conjunto com o Ministério Público Federal, Ministério Público do Trabalho, Polícia Rodoviária Federal e outros órgãos e estão sendo investigados crimes contra a dignidade sexual de crianças e adolescentes e tortura.

As buscas foram feitas em uma comunidade religiosa que existe desde o ano de 1997. Segundo informações da polícia, no começo, as pessoas que trabalhavam no local poderiam usufruir do trabalho em uma espécie de “regra igualitária”, onde todo o lucro seria divido entre os trabalhadores. Mas, com o tempo, os donos da comunidade começaram a explorar o trabalho dessas vítimas.

Durante a operação, dez celulares foram apreendidos e uma quantia em dinheiro. Segundo a Polícia Federal, em um dos lugares, havia um local que parecia ser usado para práticas sexuais. As investigações seguem para saber se há mais pessoas envolvidas no crime. Qualquer denúncia que possa ajudar a polícia pode ser feita através do disque 100.

 

Fonte: Confirma Notícia

RELACIONADOS

Mais Visualizados