quarta-feira, julho 17, 2024

Unidade de serviços de alta complexidade já realizou cerca de 500 atendimentos a gestantes em 2024

Atenção à saúde e atendimento humanizado elevam o nível de satisfação das usuárias.

Deiglaine Gomes Vieira, 28 anos, moradora de Nova Ipixuna, está grávida de oito meses. Por conta da hipertensão e da diabetes, necessitou de acompanhamento especializado e foi encaminhada para realizar o pré-natal no Hospital Regional do Sudeste do Pará – Dr. Geraldo Veloso (HRSP), em Marabá, referência em obstetrícia de alta complexidade na região de Carajás.

“Estou muito feliz com a minha gravidez, mas como tenho algumas comorbidades, sei que preciso de cuidados especiais. Fiquei aliviada quando fui encaminhada para o Regional, que possui profissionais competentes para acompanhar meu pré-natal e realizar meu parto de forma segura”, destaca a paciente com gratidão.

O Hospital Regional em Marabá tem se destacado no atendimento de gestantes que necessitam de cuidados especiais. Entre janeiro e maio de 2024, a instituição realizou cerca de 500 atendimentos obstétricos, incluindo 50 partos de alto risco realizados no centro cirúrgico da unidade.

Atenção e humanização – A paciente Iara Martins, moradora de Bom Jesus do Tocantins, grávida de seis meses, faz tratamento de trombofilia na gravidez, condição em que a mulher grávida possui uma predisposição aumentada para desenvolver coágulos sanguíneos (tromboses). Ela elogia o atendimento. “A equipe é extremamente atenciosa e competente, o que me dá confiança de que meu bebê e eu estamos em boas mãos. Com a minha condição de trombofilia, eu sei que preciso de um acompanhamento especializado, e aqui me sinto segura e bem cuidada em cada consulta e procedimento”, afirmou a paciente.

A unidade do Governo do Pará oferece acompanhamento clínico, ambulatorial e realiza partos de alto risco. A instituição conta com clínica obstétrica equipada com quatro leitos, garantindo um ambiente seguro, humanizado e confortável para mulheres que necessitam de cuidados complexos.

Com protocolos rigorosos que colocam a saúde e o bem-estar da mãe e do bebê em primeiro lugar, o Regional em Marabá constantemente aprimora suas práticas assistenciais para garantir qualidade e segurança para as gestantes que buscam seus serviços. Contando com uma equipe qualificada composta por obstetras, neonatologistas, anestesistas e enfermeiros especializados, a unidade trabalha de forma colaborativa para lidar com complicações graves que possam surgir durante a gestação e o parto.

Flávio Marconsini, diretor-executivo da unidade, ressaltou que o serviço de obstetrícia atende gestantes com condições médicas de alto risco, tais como pré-eclâmpsia, placenta prévia, restrição de crescimento fetal, entre outras.

“Nosso compromisso é com a segurança e o bem-estar das gestantes e de seus bebês. Estamos aqui para oferecer o melhor atendimento possível, com profissionalismo, dedicação e humanização em cada etapa do processo. Nossa equipe está empenhada em garantir que cada mãe saia daqui com um sorriso no rosto e um bebê saudável nos braços”, finalizou o diretor.

Perfil – O Hospital Regional do Sudeste pertence ao Governo do Pará e tem gestão do Instituto de Saúde Social e Ambiental da Amazônia (ISSAA), em parceria com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa). A unidade é referência em procedimentos de média e alta complexidade, e conta com 135 leitos, sendo 97 de internação clínica, e 38 Unidades de Terapia Intensiva (UTI) – Adulto, Pediátrica e Neonatal

Fonte: Plantão 24horas News – Ascom/HRSP

RELACIONADOS

Mais Visualizados