segunda-feira, maio 20, 2024

PF prende venezuelano que pode ter mais de 150 cápsulas de cocaína no estômago

Passageiro veio do Suriname e teria destino final na Índia

Na tarde dessa quinta-feira (11/4), a Polícia Federal prendeu um passageiro venezuelano que havia engolido pelo menos 100 pílulas de cocaína, no Aeroporto Internacional de Belém. Ele embarcaria a Guarulhos/SP, com destino a Chennai, no sul da Índia.

A suspeita partiu de investigação do Núcleo de Polícia Aeroportuária da PF. Antes do voo a São
Paulo, que seria às 18h, passou no raio-x, que atestou uma grande quantidade de pílulas com drogas; a estimativa é que possa ultrapassar 150.

A droga tende a ficar no corpo entre 24h e 36h e o peso médio das cápsulas costuma ser 10 gramas.

Ele havia chegado a Belém vindo de madrugada, de Paramaribo, no Suriname e estava apenas com uma mochila, sem mala despachada. Entre Guarulhos e a Índia, faria conexão em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos.

Foto: PFPA

Dada a voz de prisão, o passageiro foi encaminhado ao Pronto Socorro Municipal Mario Pinotti, no Umarizal, onde permanece sob custódia de policiais federais. O atendimento médico é para que as pílulas sejam expelidas com menos risco à saúde, uma vez que rompidas dentro do corpo, podem causar morte.

Depois que o exame de raio-x atestar a saída de toda a droga, o preso será levado à Superintendência da PF no Pará, onde será lavrado o flagrante, para então ser encaminhado ao Sistema Prisional.

O caso é semelhante ao que foi flagrado também pelo Núcleo de Policia Aeroportuária da PF em setembro de 2023, quando outro venezuelano havia sido preso com 152 cápsulas de cocaína, também vindo de Paramaribo, no Suriname. A diferença é que ele levava à Europa, enquanto que o preso desta quinta-feira iria para a Ásia.

Fonte: Plantão 24horas News – PFPA

RELACIONADOS

Mais Visualizados