quinta-feira, fevereiro 29, 2024

PF tem três ocorrências no Aeroporto Internacional de Belém

Houve um preso em flagrante, um cumprimento de mandado de prisão e apreensão de substância inflamável.

Na tarde da última sexta-feira (24/11), um funcionário de companhia aérea acionou a Polícia Federal após analisar o raio-x de uma mala despachada, no aeroporto. A imagem, escurecida, era indício de uma substância densa, fora do comum.

Foi constatado que se tratava de 11 quilos de óxido de zinco, altamente inflamável. Por isso, foi chamada equipe do Batalhão de Operações Especiais (BOPE) da PM/PA, que foi ao aeroporto com o grupamento de canil e isolou a área para evitar acidentes.

O dono da mala não foi encontrado porque seguiu viagem antes da constatação da substância. O voo estava em conexão em Belém, vindo de de Campinas/SP, com destino a Marabá/PA. Porém, foi aberto inquérito para investigar o motivo do transporte da substância. O passageiro pode responder pelo crime de colocar em risco a aviação civil.

Foto: PFPA

Cerca de 10 horas mais tarde, novamente o plantão da Polícia Federal foi acionado, com denúncia de importunação sexual durante um voo vindo de Brasília/DF, com destino a Belém. A equipe aguardou o pouso da aeronave, retirou a vítima e o suspeito do crime para serem ouvidos. Ao final, o homem foi preso em flagrante por importunação sexual.

Durante a ocorrência, nas primeiras horas do sábado (25/11), o expediente da Polícia Federal entrou em ação para cumprir um mandado de prisão, expedido pela Comarca de Castanhal/PA. O réu, um morador de Icoaraci, havia sido condenado a quatro anos, cinco meses e 10 dias a regime semiaberto, por roubo.

Comunicação Social da Polícia Federal no Pará
Contato: 91 98393-0775
E-mail: cs.srpa@pf.gov.br
www.gov.br/pf

RELACIONADOS

Mais Visualizados