quarta-feira, julho 24, 2024

Operação ‘Rota’ prende seis pessoas por tráfico de drogas nas zonas urbana e rural de Rurópolis

A Polícia Civil de Rurópolis, no sudoeste do Pará, deflagrou nesta quinta-feira (10) a operação “A Rota”, sob comando dos delegados Ariosnaldo da Silva Vital Filho e Vicente Gomes (do superintendente regional do Tapajós), para combater o tráfico de drogas no município e desvendar a autoria de crimes de homicídios ocorridos nos meses de janeiro e fevereiro na cidade.

Da operação que resultou nas prisões de seis pessoas, participaram policiais civis de várias delegacias (Rurópolis, Placas, Seccional de Itaituba, DEAM/ITB, Castelo dos Sonhos) pertencentes à Superintendência do Tapajós e policiais militares do CPR X, sob o comando do Major PM Torres, e da 17ª CIPM e GTO de Itaituba, sob o comando Capitão Manoel Vieira.

Na zona urbana uma prisão cautelar foi cumprida contra Gerônimo de Lima Alves, conhecido pelo apelido de “Dezessete”. Ele é investigado pelos crimes de tráfico de drogas e homicídios na cidade.

Preso na Operação “A Rota” chegando na Seccional de Rurópolis — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Também foi preso em flagrante por tráfico de drogas e posse ilegal de munições Valdicley Pereira de Aquino, conhecido como “Keké”. Com ele foram apreendidas petecas de Crack e munições marca CBC calibre .40mm que estavam sobre um móvel. De acordo com a polícia, as munições são do mesmo calibre das usadas para matar Erisvaldo Leite e balear Carlos Henrique em janeiro deste ano.

Na comunidade Divinópolis, na zona rural, foram presos em flagrante: Zelinda de Goes Oliveira, Carlos Goes Oliveira e Maicon da Costa Sousa, com 26 petecas de Crack pesando cerca de 21 gramas, além de 56 gramas de cocaína, 4 pedras grandes de Crak com 144 gramas, 5 telefones celulares, R$ 358 em espécie com cédulas diversas, 1 relógio masculino, 1 relógio feminino e 1 balança eletrônica de precisão usada para pesar entorpecente.

Segundo a polícia, o trio se utilizava de um bar como fachada para comercializar entorpecentes.

Drogas, dinheiro e celulares apreendidos com suspeitos de tráfico em Rurópolis — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Ainda na zona rural, foi preso em flagrante Diones Gomes. Na residência dele foram encontrados uma escopeta calibre 20 que estava com 01 munição na câmara e 2 munições extras intactas, e após buscas uma revista na residência foram encontrados dentro de um cesto de roupas 16 petecas de Crack, 1 trouxa de maconha, 01 pedra de Crak e 01 trouxa grande de maconha prensada (Skank), além dos acessórios para o comércio da droga – 1 balança digital para pesar entorpecentes.

“Um dos inquéritos policiais que apura crime de homicídio já se encontra com autoria delineada. Todo o material apreendido será encaminhado para exame pericial e as pessoas presas serão apresentadas à Justiça para as providências cabíveis. No total 6 pessoas foram presas por tráfico de drogas. A operação foi considerada satisfatória alcançando 100% de êxito, fato este atribuído ao trabalho sigiloso de investigação em andamento há 2 meses e a integração das forças de segurança pública do município”, disse o delegado Ariosnaldo da Silva Vital Filho.

Viaturas das polícias Civil e Militar na zona rural de Rurópolis para cumprimento de mandados judiciais — Foto: Polícia Civil/Divulgação

A Rota

A operação recebeu esse nome não só pelo caminho que as polícias Civil e Militar tiveram que realizar para localizar os alvos e dar fiel cumprimento dos mandados expedidos pelo Poder Judiciário, mas também refere-se a toda linha de investigação e os caminhos que a autoridade policial do município de Rurópolis e sua equipe policial tiveram que tomar dentro do procedimento policial para identificar as possíveis autorias dos crimes de tráfico de entorpecentes e homicídios.

Com informações do G1

RELACIONADOS

Mais Visualizados